SAMPAFOBIA

.. Não tem explicação, aqui fala-se de tudo ..

22.8.06

A Saga do bombom

A Saga do bombom chegou ao fim.
Estava na Copa, tomando café hoje, quando entrou uma tiazinha que trabalha lá, tipo aquela que faz plástica, quer parecem jovem, sabe? Então...

Tiazinha: Bom dia, tudo bom?
Eu: Bom dia. Tudo bem, e vc?
Tiazinha: Tudo bem também. Ta de visual novo? Adorei! Ficou mais moderno e quando você corta o cabelo fica com cara de criança, dessa vez ta com um jeito diferente, mais abusado!
Eu: Ah é? Legal. É bom mudar né? Eu mudo sempre também.
Tiazinha: Sua namorada deve ter adorado.
Eu: Não tenho namorada (pensando: agora ela ganhou o dia!).
Tiazinha: Ah, ta..
Eu: Bom, vou indo que tenho reunião daqui a pouco, até mais.
Tiazinha: Ah, você não falou se gostou do bombom....
EU (silêncio, chocado, suando, tímido): Ah, foi você........
Tiazinha: Você se importa?
Eu: Olha, não gosto dessas coisas aqui no trabalho, acho chato.
Tiazinha: Te acho uma graça, foi pra agradecer por ter me ajudado com aquele material de comunicação, você escreve tão bem!
Eu: Obrigado, mas não precisa me agradecer com bombom, ainda mais anônimo,

A secretária ouviu essa última frase. Ela é mais eficiente que o Estadão.

Deu medo.

18 Comments:

At 7:29 PM, Blogger Gustavo Bernstein said...

Ah... e eu pensando que essa história ia render algo mais caliente, mas tá bom onde se ganha o pão, não se come a carne (uma vez eu falei isso pra um chefe mais abusado...).

Qnato a questão da qualidade de vida, tudo é uma questão de como se olha ao seu redor. Quando eu voltei pra cá (sim, eu já morei em cidade grande), optei por um emprego com um salário menor ( e carga horária idem) que me deu mais tempo pra estudar, praticar esportes, etc... ao mesmo tempo que me tirou aquilo que eu tinha de mais precioso (independência financeira), o que me fez voltar a morar com os meus pais. Alémm de me sujeitar a certas regras idiotizantes que existem no setor público (sou funcionário público terceirizado) e mais algumas coisas que me fazem sentir num episódio do "The Office". Como vc vê, nem tudo são rosas e eu poderia fazer disso um drama, mas preferi achar soluções que me trouxessembem estar. Se vc olhar a sua volta, vai achar pequenas coisas que podem te ajudar nisso (por exemplo: experimente ler um livro no congestionamento ou se alongar um pouco, entre outras coisas).

Abração e um bom começo de semana!!

 
At 9:27 PM, Blogger Cristiano Contreiras said...

Bombom para todos nós! rs

 
At 1:39 AM, Blogger Liliane de Paula said...

Marshall, bom que o bombom não era uma bomba. Eu penso que faz plástica ou se cuida quem pode. Tem que ter saude e dinheiro(sempre ele) Querer se manter "olhavel" tb é louvável.

Liliane de Paula

 
At 6:27 AM, Blogger Kafé Roceiro said...

Putz. Cara, e eu achando que ia ser uma boazuda. O dose é que você ainda é sacana com a pobre coitada!
He!He!

 
At 6:54 AM, Blogger sereia said...

Eu bem disse que era uma admiradora secreta lol

 
At 7:52 AM, Blogger Laura said...

Acabou o suspense! Nossa, eu teria ficado numa curiosidade daquelas pra saber de quem era!
Essa tiazinha tem assim quantos anos? E qual foi a reacao dela quando voce disse que nao gostava dessas coisas no escritorio?
Pode esperar que daqui pro final do dia TODO mundo vai estar sabendo da estoria. Fofoca de escritorio eh fogo!

 
At 8:41 AM, Blogger luma said...

Marshall, a tia quis ser delicada!! Olha você com segundas intenções!!? (rs*)
Pior que isso, seria um tio!!
Beijus

 
At 11:02 AM, Blogger Ants said...

Eu já recebi flores no trabalho (mais de uma vez), quis morrer de tanta vergonha. Mas não era de ninguém do trabalho, o que faz alguma diferença.
*
Sobre meus DJ sets, são só hobby, não penso seriamente em nada profissional. :)
*
Quando o senhor vai ao Havanna?

 
At 6:43 PM, Blogger Paulo Sempre said...

fixe!!!!!!!!!!!!!!nice! Bom!!!!!!!!
abraço.

 
At 2:56 AM, Blogger Cassio Coga said...

Seria a última pessoa que tu desconfiaria?
rsrsrs...

 
At 4:15 AM, Anonymous Rick said...

a mulherada anda descontrolada, não tá não?

 
At 5:28 AM, Blogger marcox said...

cuidado com a tiazinha!

 
At 6:22 AM, Blogger Carlos Leite said...

Essas coisas acontecem... Mas no trabalho fica mesmo um clima chato. Já passei por isso e sei como é.

Pelo menos agora você sabe quem foi.

 
At 7:21 AM, Anonymous Anônimo said...

hahaha! peguei essa história do bombom no meio, mas estou com medo tb. hehehe!!
pq não aparece pra mim um espaço para eu colocar meu nome e endereço do blog?

 
At 7:21 AM, Anonymous Anônimo said...

é a kakazinha, do maiorabandonada.
eu clico em "outro" e continuo anônima! q fique bem claro q não fui eu quem te mandou um bombom! hahaha!

 
At 7:58 AM, Blogger Tom, um ser diferente... said...

KKKKKKKKKKK... Marshall! Bombom da Tiazinha??? NINGUÉM MERECE!
Mas tadinha... você não deu nem um beijinho nela de "obrigado"??? Ela merecia só pela coragem!

Ah! Você já estava linkado no meu blog a décadas, querido! Adoro essa "fobia" de Sampa.

Abração forte! Sucesso!

Tom

 
At 9:21 PM, Blogger Hera said...

Eu já tinha viajado da maionese até o ketchup pensando nesse bombom e você me vem de "Tiazinha"??? É... Fica para a próxima caixa de bombom... Beijos

 
At 2:47 AM, Blogger Natasha said...

"Uh, tiazinha! Uh tiazinha"

Ë Marshall, pelo menos rendeu uma história engraçada :)

;**

 

Postar um comentário

<< Home